Trabalhador Autônomo: Como trabalhar nessa modalidade?

Descubra como trabalhar para você mesmo!

Publicidade

trabalhador autônomo

O Trabalhador Autônomo não precisa ter relação de trabalho com a empresa.

O profissional é totalmente responsável por seus atos.

Publicidade

O trabalho autônomo é uma das modalidades mais comuns hoje em dia, tem sido fácil encontrar profissionais que prestem serviços por conta própria.

Segundo o site Brasil 61, o Brasil possui mais de 25,2 milhões de trabalhores autônomos.

Matérias similares a esta

Ser autônomo é diferente de seguir o regime da CLT, onde o empregado tem a carteira assinada e direitos e deveres assegurados pelas leis trabalhistas.

Neste artigo, vamos te mostrar o que é preciso, os tipos e as vantagens e desvantagens de ser um trabalhador autônomo. Acompanhe a leitura!

Trabalhador Autônomo: Como ser um?

Para ser um Trabalhador Autônomo, é necessário se registrar.

Para isso é preciso fazer a solicitação ao Cadastro de Contribuintes Mobiliários na prefeitura da sua cidade.

Publicidade

Em alguns casos, você pode se registrar pela Internet.

O autônomo deve estar cadastrado como contribuinte único no INSS, e o processo pode ser feito online para evitar burocracia.

Se for uma pessoa jurídica autônoma, deve se registrar como MEI acessando o portal do empreendedor e seguindo as instruções do site.

Existem algumas características que são importantes se ter para ser um autônomo de qualidade, entre elas temos:

Publicidade

  • Bom relacionamento interpessoal
  • Boa comunicação
  • Inteligência emocional
  • Controle financeiro
  • Gestão de tempo
  • Criatividade.

Se você é um profissional que está pensando em investir na possibilidade de se tornar autônomo, vamos te mostrar que existem duas espécies.

Aqueles que prestam serviços de profissões regulamentadas, como por exemplo:

  • Psicólogo
  • Nutricionista
  • Médico
  • Contabilista
  • Advogado
  • Engenheiro
  • Entre outros que estejam registrados nos seus respectivos conselhos regionais de fiscalização profissional.

Aqueles que prestam serviços de profissões que não são regulamentadas, como:

  • Pedreiro
  • Pintor
  • Encanador
  • Faxineiro
  • Digitador
  • Jornalista.
trabalhador autônomo

Vantagens e desvantagens

Ser um trabalhador como em qualquer outra modalidade de emprego, também, tem as suas vantagens e desvantagens:

  • Autonomia: muitas pessoas que trabalham autonomamente enxergam a possibilidade de fazer o seu próprio horário de trabalho como algo muito positivo
  • Ser o seu próprio chefe: você não precisa obedecer a uma hierarquia, quem manda em você é você mesmo. Mas vale ressaltar que para isso é necessário que você tenha bastante disciplina para entregar as suas tarefas em dia e não se prejudicar
  • Diploma: na maioria dos casos não é necessário apresentá-lo. O importante é ter um serviço de qualidade e ela responderá por você
  • Impostos: por se tratar de um profissional autônomo, os encargos tributários são menores.

Já quanto as desvantagens, podemos citar:

Publicidade

  • Benefícios trabalhistas: pelo fato de não ter nenhum tipo de vínculo empregatício, o autônomo não terá direito a benefícios como: carteira assinada, 13º salário, férias, FGTS, folga remunerada, horas extras, vale-transporte, plano de saúde, vale-refeição, gratificações e entre outros
  • Aposentadoria: como autônomo, você precisa considerar sua aposentadoria e se planejar para quando decidir parar de trabalhar ter um fundo de reserva garantido. Se você pagar apenas INSS, receberá um valor menor, que é de 11% do salário mínimo
  • Possibilidade de descontrole financeiro: já que a sua renda não será definida, não necessariamente você receberá a mesma quantia todo mês. É necessário se planejar para que isso não afete o seu orçamento e nem o seu futuro
  • Impostos: além da contribuição de 11% para a previdência, o autônomo terá que pagar outros tributos como: ISS, PIS, IR, taxa de contribuição para sindicatos e Conselhos Federais.

Caso o autônomo decida virar pessoa jurídica e se tornar um MEI, todos estes impostos se transformam em uma parcela mensal que fica em torno de R$ 50,00.

Muitos profissionais autônomos preferem abrir um MEI e reduzir esses custos tributários.

Avalie as vantagens e desvantagens antes de seguir como Trabalhador Autônomo.

Gostou do nosso texto? Mande para outras pessoas que gostariam de ter acesso a este conteúdo e continue acompanhando o nosso blog!

Publicidade

Por Giuliane Bonetti em 04/11/2021 Graduada em Direito e Ciências Contábeis pela Unoesc, e uma das escritoras oficiais do blog. Meu objetivo é mantê-lo informado com conteúdo de exclusivo e de qualidade!
Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.